Playlist

segunda-feira, 20 de junho de 2011

Homenagem de um amigo poeta a mim



Juliana Alves

Menina discreta
que fala quieta
às vezes sem querer
Os teus escritos
poemas bonitos
descrevem você

Até quando silencias
transpiras poesia
te fazendo entender
coisas de literatos
dos finos tratos
de grande saber

Tu lembras Clarice
na clareza e meiguice
coisas de poetisas
demasiadamente poetas
também muito concretas
prolixas, concisas

Menina sorridente
que repassa pra gente
boas vibrações
continues poetando
cativando, ajudando
e fazendo canções

Numa dessas horas
a luz da aurora
linda como a boreal
vai raiar de verdade
no canto da felicidade
teu coração especial

(Jetro Fagundes)

**Sinto-me agraciada por tais palavras, por todo carinho que recebi nesse texto. Você tem um dom nato de transformar a simplicidade em poesia. Muito obrigada meu querido amigo!**

Um comentário:

  1. Oi Juliana, poema lindo!
    Sinto como se te conhecesse ao lê-lo.
    Seu blog é lindo, adoro passar por aqui.

    Por isso têm um selinho pra você no meu blog, dá uma passadinha lá e pega!

    Xero e fique com Deus!

    ResponderExcluir