Playlist

quarta-feira, 20 de julho de 2011

Teorema da Renascença



De coração aberto
Sigo a rota,
Felicidade me bate a porta,
Tranquilidade se instaura.

Não sei explicar...
Transbordamento de sensações
Fresca liberdade me invade...
E quebra qualquer iniqüidade.

Suspiro levezas,
Alço vôos às alturas...
E volto extasiada.
Inebriada de desejos...
Verdejantes esperanças...
Que fazem cócegas na alma.

Onírica dimensão
Outra realidade me parece
Nada me apetece
Nem me carece.

Coração entoa cantos
Louvores a uma nova existência...

Vívida,
Densa,
Extrema,
Grita na pele a revitalizada essência.

Antigo mel se refaz doce
Seiva circulante em minhas veias...
Jazendo em mim,
Poesia.

Alma-fênix
Queima em si
Exalando mirras,
Incensos olorosos...
Incandescendo novas cores,
Apagando antigas dores.

Renasce assim,
A Mulher-avessa
A Menina-travessa
Alma-luz...

Premissa Abscissa
De um teorema...
Indecifrado.

(Juliana Alves)

Um comentário:

  1. Nossa, ameei ! mt lindo msm.. tbm me sinto assim, renascendo, sentindo mil coisas e principalmente de coração aberto :)
    Parabéns pelo blog viu, tô seguindo tbm !

    Beeijoss

    ResponderExcluir