Playlist

terça-feira, 30 de agosto de 2011

Ambiciosa


Tantos passam por mim, 
cobiçosos a meu corpo profanar...
Desenxabidos espectros, 
pensam ser dignos de tal pretensão.
Intitulam-se poderosos conquistadores,
mestres na arte de seduzir.
Arrogantes, crédulos capazes 
de a mítica Atlântida desbravar.

Sinto-os como lobos
com afoitas garras me cravarem...
Proferem seus ardilosos anseios 
como frutos das melhores intenções.
- Mas quantos lobos atrozes atacaram
Só para o deleitoso instinto satisfazer!

Minha alma, fulgorosa chama
de meu sagrado templo,
Aos céus, aguerrida interroga: 
Amor de homens vulgares?
-Terra tão subjugada, de ares tão vis!

Recuso-me com precários intentos me bastar, 
Do Universo desejo bem mais... 
Um homem? 
- Quando eu sonho um amor pleno de um deus!
Rei-Sol fulgente, que ao iluminar meu jardim 
os malfadados lobos afugentará.

(Juliana Alves)

Nenhum comentário:

Postar um comentário